A bateria do carro é, sem dúvida alguma, uma das partes mais essenciais. Ela é responsável por fornecer energia para ligar o veículo e também sustentar todos os equipamentos eletrônicos, como rádio, ar-condicionado, luzes e vidros elétricos, por exemplo.

Sem falar que ligar o veículo sem ela ou com o seu funcionamento comprometido é uma tarefa tarefa quase impossível.

Dessa forma, adotar cuidados básicos diairiamente é fundamental para qualquer motorista. Pensando nisso, o time do Zul+ preparou este post para te ensinar como cuidar da bateria do seu carro e ainda mostrar qual a hora certa para trocar o equipamento.

banner revisao zul+

Qual é a vida útil de uma bateria?

Uma bateria de qualidade que não sofra com mau uso de forma prolongada, dura, em média, de 2 e 3 anos. Desta forma, se a bateria do seu carro durar menos que isso, pode ser um sinal de que você precisa melhorar a manutenção preventiva do seu veículo. 

Como saber se está na hora de trocar a bateria?

É possível prestar atenção a alguns sinais que indicam que a vida útil da sua bateria está fim. Vale dizer que não é recomendado esperar ela acabar totalmente para fazer a substituição, já que ela pode te deixar na mão em situações de emergência.

Conheça abaixo alguns sinais que indicam a hora certa de trocar a bateria do carro:

1) Dificuldade em ligar o carro;

Sabe quando você entra em seu carro de manhã, pronto para ir ao trabalho, e tem uma certa dificuldade para ligar o veículo? 

Este pode ser o primeiro sinal de que a sua bateria está chegando ao fim e que está na hora de trocá-la. Talvez você não queira substituí-la imediatamente, mas, quando este processo passa a ser frequente, a melhor opção é fazer a troca. Isso porque, da próxima vez, o veículo pode não ligar, independente de quantas vezes você girar a chave

Além disso, caso você realize constantemente o processo de recarga da bateria, conhecido popularmente como “chupeta”, a hora de substituí-la chegou. Não hesite em realizar a troca em uma oficina mecânica ou auto-elétrica.

Seu carro não liga? O problema pode ser na bateria. Acesse nosso post completo sobre bateria arriada e veja como resolver.

2) Falhas nas luzes;

Outro sinal de que está na hora de trocar a sua bateria é quando o sistema de iluminação, seja do farol ou até mesmo do painel, começa a apresentar oscilações ou falhas.

Estes são os principais itens a serem alimentados pela bateria e, com estes problemas, é um claro sinal do fim da vida útil da bateria.

3) Luzes no painel;

Em carros mais modernos, as montadoras costumam ajudar um pouco mais os motoristas a detectarem o fim da bateria. Em alguns modelos, quando a bateria fica menos potente, uma luz acende no painel avisando que é hora de fazer a substituição.

Este sinal costuma ser em vermelho, possuindo uma forma retangular, semelhante ao da bateria real. Os sinais de “+” e “-” também estão presentes na luz.

luz acesa no painel do veículo indicando problema na bateria do carro

Veja aqui o significado de cada uma das luzes do painel do seu carro.

4) Oxidação nos terminais

Olhar embaixo do capô do veículo também pode ser um bom caminho para saber quando está na hora de trocar a bateria. Com o tempo, a solução interna começa a vazar e isso faz com que os terminais fiquem oxidados.

Quando isso ocorre, é mais um sinal de que está na hora de fazer a substituição da bateria.

Como prolongar a vida útil da bateria?

Como dito anteriormente, a bateria dura, em média, entre 2 e 3 anos. Porém, é sim possível aumentar esta vida útil. Para isso, porém, é preciso tomar alguns cuidados.

1) Desligue os acessórios eletrônicos antes de desligar o carro;

O primeiro deles é sempre se lembrar de desligar todos os acessórios elétricos (faróis, rádio e ar-condicionado) antes de virar a chave. Também é importante se lembrar de não deixar estes itens ligados com o motor desligado.

2) Ligue o veículo se ficar parado por muito tempo;

Se o veículo ficar parado por muito tempo, ligá-lo por alguns minutos também pode ajudar. Isso porque o veículo possui um sistema de recuperação de energia e, em quanto o motor estiver ligado, ele acaba dando uma pequena recarga na bateria. Nestes casos, também é possível deixar os polos da bateria desconectados. Isso, porém, pode resetar algumas configurações de itens periféricos, como o rádio.

3) Limpe a bateria de tempos em tempos.

Por fim, também é possível fazer uma manutenção preventiva, limpando periodicamente os terminais da bateria. Desta forma, você evita o mal-contato e o desgaste deste item.

Veja como lavar o carro da maneira certa em nossa matéria completa sobre lavagem automotiva.

banner app zul+ seu carro mais completo