Os carros elétricos têm ganhado cada vez mais espaço no mercado automotivo mundial. No entanto, se na Noruega eles já são vendidos mais do que os veículos movidos à combustão, por aqui os carros elétricos ainda são raridades.

veja o valor do seu carro e de outros modelos com o aplicativo zul+

E o principal motivo é o preço alto. No Brasil, é preciso desembolsar, pelo menos, R$160 mil para adquirir um veículo movido à eletricidade.

Porém, se você é um motorista que está considerando comprar um carro elétrico ou quer apenas conhecer um pouco mais sobre os “veículos do futuro”, saiba que já existem 15 modelos, entre híbridos e elétricos, comercializados no mercado nacional.

Pensando nisso, o time do Zul+ preparou esta lista com os melhores carros elétricos no Brasil em 2021. Vale apenas destacar que aqui terá apenas veículos elétricos puros, não contendo modelos híbridos.

Bateria no assoalho, freio regenerativo, sem escapamento e torque instantâneo. Entenda como funciona um carro elétrico.

Quais são os melhores carros elétricos no Brasil em 2021?

1) Volvo XC40 Recharge Pure Electric

O Volvo XC40 Recharge Pure Electric é considerado o melhor carro elétrico do país, mesmo que ainda não tenha começado a ser entregue aos seus proprietários (o que só vai começar a acontecer neste mês de setembro/2021). Além do luxo, o custo-benefício e bom desempenho se destacam no modelo.

Quem quiser comprar um XC40 elétrico vai precisar investir R$390 mil, porém vai levar para casa um carro com dois motores elétricos que juntos totalizam 408 cavalos e com uma autonomia de 418 quilômetros.

A maior dificuldade para quem tem um carro elétrico no Brasil ainda são os pontos de recarga. A Volvo disponibiliza cerca de 700 deles espalhados pelo país. Além disso, aqueles que adquirissem o modelo na pré-venda, iriam ser presenteados com um wallbox para carregamento rápido em casa.

A Volvo, montadora sueca, também está em outra lista de top veículos feitas pelo time do Zul+. Conheça o V40 T5 Cross Country em nossa matéria completa sobre os melhores carros usados até R$100 mil no Brasil

2) Porsche Taycan

porsche taycan elétrico 2021

Para quem está disposto a gastar ainda mais, o Porsche Taycan é a escolha certa. Custando a partir de R$590 mil, o modelo entrega toda a esportividade da montadora alemã.

Além disso, é possível escolher entre o modelo de 435 cavalos ou top de linha com incríveis 761 cavalos e capaz de atingir 100 km/h em apenas 2,8 segundos. Claro que, para isso, será preciso gastar muito mais, já que os preços passam da casa de R$1 milhão.

O Porsche Taycan possui autonomia de 484 quilômetros. Além disso, os proprietários deste modelo podem desfrutar do carregador mais rápido do país, instalado no Porsche Center São Paulo. Com ele, uma recarga de 5% a 80% leva menos de 23 minutos.

3) Audi e-tron

O Audi e-tron, que custa a partir de R$530 mil, não deve nada a veículos de combustão na mesma faixa de preço. Tanto que foi o modelo elétrico mais vendido no país em 2020, com 183 unidades.

O veículo é equipado com dois motores que juntos somam 408 cavalos. Com recarga rápida, a bateria leva apenas 30 minutos para ser 80% carregada. Quanto à autonomia, o e-tron faz 446 quilômetros com sua bateria cheia.

Quem quiser optar por um modelo mais esportivo, a versão Sportback custa R$30 mil a mais.

Entenda como o coronavírus afetou a maneira de se deslocar no Brasil e do mundo em nossa matéria especial sobre os impactos da pandemia na mobilidade urbana.

4) Renault Zoe

renault zoe 2021

O Renault Zoe tem sofrido bastante com a alta do dólar no país. Se inicialmente custava cerca de R$150 mil para adquirir o modelo, hoje é preciso desembolsar, pelo menos, R$205 mil.

Com bom espaço interno para um veículo hatch, o Zoe possui motor de 135 cavalos e pode chegar a 140 km/h. Quanto à autonomia, é possível rodar até 385 quilômetros.

Segundo a Forbes, hoje a montadora automobilística com maior valor de mercado é a Tesla, responsável pela vanguarda dos veículos no mundo, seja pelo design quanto pela tecnlogia. Veja em nossa matéria completa como um Tesla funciona.

5) MINI Cooper S E

O design marcante de um MINI Cooper mas com motor elétrico. Apenas esta descrição já deveria ser o suficiente para qualquer um se interessar pelo MINI Cooper S E.

Porém, o modelo possui ainda mais coisas que chamam atenção. Custando cerca de R$235 mil, um preço bastante competitivo para modelos elétricos, o veículo possui autonomia de 234 quilômetros e motor com potência de 184 cavalos.

Além disso, conta com a rede de carregadores rápidos da BMW espalhados pelo país, o que garante uma recarga gratuita para todos os seus proprietários.

6) Nissan Leaf

nissan leaf 2021

O Nissan Leaf custa no Brasil a partir de R$278 mil e, desde que foi lançado em 2010, é o veículo elétrico mais vendido do mundo.

Ele possui uma grande vantagem contra seus concorrentes elétricos: o carregador rápido incluso. Isso faz com que uma carga completa leve apenas 8 horas.

Na parte técnica, vale destacar seu motor com potência de 149 cavalos. Além disso, o modelo possui um modo de condução ECO, que limita o desempenho, mas economiza a bateria. No modo padrão, a autonomia é de 389 quilômetros.

7) JAC E-JS1

O JAC E-JS1 se destaca dos seus concorrentes por um simples fato. Este é o carro elétrico mais barato do Brasil: R$160.000. Os modelos já estão em pré-venda e estão prestes a chegar às lojas da montadora.

É verdade que também é um modelo bastante compacto, sendo menor que um Renault Kwid, por exemplo, mas para quem deseja um veículo elétrico, esta pode ser uma ótima opção.

O E-JS1 promete uma autonomia de 302 quilômetros com uma carga completa e poderá atingir uma velocidade máxima de 110 km/h. Considerando que hoje é praticamente inviável realizar grandes viagens com carros elétricos no Brasil e que a montadora chinesa avalia o modelo como estritamente urbano, seu limite de velocidade não compromete sua bateria.

8) Chevrolet Bolt

chevrolet bolt 2021

A Chevrolet já iniciou as vendas do seu Novo Chevrolet Bolt 2022. O modelo é o primeiro 100% elétrico da montadora e tem preço de R$317 mil.

À primeira vista, apesar do grande espaço interno, o Bolt choca pela ausência das características grades duplas na dianteira. Porém, seu motor de 203 cavalos e uma autonomia de 416 quilômetros chamam a atenção. Para fazer uma recarga completa de sua bateria, são necessárias apenas 6,5 horas.

baixe o crlv digital no app Zul+