O principal objetivo da multa por farol queimado é conscientizar motoristas a respeito da importância das boas condições do veículo. 

baixe o crlv digital no app Zul+

O sistema de iluminação em um carro cumpre um papel fundamental. Ao mesmo tempo que os faróis permitem você enxergar melhor durante a noite, as luzes também servem para facilitar a visualização do seu veículo por outros condutores. 

Neste blogpost, o time do Zul+ te conta tudo sobre a multa por farol queimado e o que você deve fazer caso queira recorrer a infração.

Quais são as penalidades para quem dirigir com farol queimado?

De acordo com o inciso XXII do art. 230 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), as penalidades para quem dirigir com farol queimado são:

  • Multa média de R$130,16;
  • 4 pontos somados à Carteira Nacional de Habilitação (CNH);

Ao contrário do que muitos pensam, a multa por farol queimado não rende apreensão do veículo. Entenda em que situações o seu veículo pode ir para o pátio e saiba o que fazer para recuperá-lo em nosso blogpost completo sobre carro apreendido.

Pode andar com um farol queimado?

Não. Mesmo que seja apenas um farol queimado, você ainda poderá ser autuado pelo agente de trânsito. Qualquer defeito no sistema de iluminação já é justificativa para multa.

Os pneus também devem sempre estar em boas condições. Veja o que acontece se você dirigir com o pneu careca em nosso blogpost completo sobre o assunto.

Qual o valor da multa por farol queimado?

O valor da multa por farol queimado é de R$130,16.

Conheça a diferença entre os valores das infrações leves, médias, graves e gravíssimas em nosso blogpost completo sobre multas de trânsito.

Quando você pode ser multado por farol queimado?

Segundo o art. 40 do CTB, o uso de luzes do veículo deve obedecer às seguintes determinações:

  • Farol aceso em luz baixa à noite ou durante o dia em túneis, sob chuva ou cerração;
  • Os veículos que não dispuserem de luzes de rodagem diurna deverão manter acesos os faróis nas rodovias de pista simples situadas fora dos perímetros urbanos, mesmo durante o dia.
  • Farol aceso em luz alta em vias não iluminadas, exceto ao cruzar com outro veículo ou seguí-lo;
  • A troca de luz baixa para alta, de forma intermitente e por curto período de tempo, só poderá ser utilizada para indicar a intenção de ultrapassar o veículo que segue à frente ou para indicar a existência de risco à segurança para os veículos que circulam no sentido contrário;
  • O uso do pisca-alerta deve acontecer em imobilizações, situações de emergência ou quando a via permitir.

Dá multa dirigir com o farol apagado?

Sim. De acordo com o art. 250 do CTB, dirigir com farol apagado é uma infração média de trânsito e rende multa de R$130,16 e 4 pontos na CNH. 

Em 2021, a pontuação máxima da CNH aumentou para 40. Mas essa não foi a única mudança. Acesse nosso blogpost sobre a Nova Lei de Trânsito e veja todas as novidades.

O que acontece com quem não dá seta?

Também é fundamental que as setas do seu carro estejam funcionando perfeitamente. De acordo com o art. 196, “deixar de indicar com antecedência a realização da manobra” rende multa grave de R$195,23 e 5 pontos na CNH.

Ou seja, se as lâmpadas das setas do seu carro estiverem queimadas, você não estará sinalizando as manobras. Dessa maneira, você poderá ser multado.

Como saber se o farol do carro queimou?

Para saber se o farol do carro queimou não tem segredo. Ao ligar o veículo em sua garagem ou na rua, acenda os faróis e setas e desça para checar você mesmo. É importante realizar esse procedimento a cada semana para ter certeza de que as luzes estão todas funcionando corretamente.

Conheça 10 cuidados básicos para se ter com o carro em nosso blogpost completo sobre manutenção preventiva.

Como recorrer a multa por farol queimado?

Como em qualquer outra multa de trânsito, é possível recorrer a multa por farol queimado.

Veja o que fazer em cada uma das 3 etapas diferentes: a defesa prévia e os recursos em 1ª e 2ª instância. 

1) Defesa prévia;

A defesa prévia é o momento em que você deve se atentar aos erros formais da autuação. Informações incondizentes, como endereço, placa, veículo ou horário errado, são capazes de anular a infração. 

Vale dizer também que é na fase da defesa prévia em que você também pode indicar o condutor infrator e transferir os pontos da multa para outra pessoa. Basta preencher o formulário presente na notificação e enviar para o endereço informado.

2) Recurso em 1ª instância;

No caso da defesa prévia ser negada ou a autuação não conter erros formais, você ainda pode tentar anular a multa por farol queimado utilizando o recurso em 1ª instância. 

Você deve enviá-lo junto à Jari (Junta Administrativa de Recursos de Infrações) após receber a notificação de penalidade. 

Nesta etapa, será analisado o mérito da infração. Por este motivo, é importante detalhar por que o seu farol estava queimado e apresentar argumentos embasados na legislação de trânsito que justifiquem sua situação. 

Conheça a diferença entre notificação de autuação e de penalidade em nosso blogpost completo sobre o assunto.

3) Recurso em 2ª instância;

E caso o recurso seja novamente indeferido, você ainda poderá recorrer em 2ª instância junto ao Cetran (Conselho Estadual de Trânsito). Aqui, também será analisado o mérito da infração. 

No caso da multa por farol queimado, o auxílio de advogados especializados pode ser bastante útil. Muito em breve, será possível criar o recurso de multa no app Zul+ e enviá-lo ao órgão de trânsito.

Entenda como funciona o recurso de multas aqui.

Como pagar multa por farol queimado?

banner de download do app zul+ tudo pra quem dirige

Caso o seu veículo seja registrado nos estados de São Paulo, Paraná ou Santa Catarina, é possível parcelar a multa por farol queimado em até 12x no cartão de crédito utilizando o Zul+, o app n°1 pra quem dirige hoje no Brasil. Veja como parcelar abaixo: 

1. Baixe o app Zul+ no seu celular;

Busque por Zul+ na loja de aplicativos do seu dispositivo ou baixe o app com o link direto: Zul+ para iPhone ou Zul+ para Android.

2. Faça seu cadastro no app;

Insira seu nome, CPF e e-mail para criar sua conta no aplicativo.

3. Informe o modelo, a placa e o Renavam do seu veículo;

Adicione seu veículo no app. O número do Renavam, presente no CRLV Digital (documento) do carro, é fundamental para realizar a consulta de multas na base de dados do Detran.

4. Consulte suas multas no app;

Após realizar o cadastro com sucesso, consulte suas multas. É muito simples. Basta tocar em “Multas, IPVA & Licenciamento” na home do aplicativo.

5. Escolha a melhor forma de pagamento;

No app Zul+, é possível pagar a multa por farol queimado à vista com Pix ou em até 12x no cartão de crédito ou carteiras digitais Apple Pay, Google Pay e Masterpass.

6. Deslize para confirmar o pagamento.

Pronto! Agora é só deslizar o dedo para quitar a multa.

resolve crlv digital com Zul+