Existem alguns tipos de insulfilm que não são permitidos no seu veículo. Isso porque eles atrapalham a passagem de luz e consequentemente, prejudicam a visibilidade do motorista, aumentando o risco de acidentes de trânsito.

Além desse risco, você pode ser multado se desobedecer a proibição de determinados tipos de insulfilm e ainda, sofrer outras penalidades. Então, é importante entender as regulamentações e garantir que o insulfilm utilizado esteja dentro dos padrões permitidos.

Pensando nisso, fizemos este conteúdo para te ajudar. Fique com a gente e descubra:

  • O que é insulfilm?
  • Qual é a importância do insulfilm nos veículos?
  • Qual insulfilm é permitido por lei em 2024?
  • Quais tipos de insulfilm são proibidos no veículo?
  • O que acontece se eu usar um insulfilm proibido? 
  • Quais são os principais crimes de trânsito e as consequências?

O que é insulfilm?

O insulfilm é uma película fina e transparente aplicada nos vidros dos veículos. Ela tem várias funções, como reduzir o calor, proteger contra raios ultravioleta (UV) e aumentar a privacidade no carro. 

Basicamente, é como um filtro que ajuda a manter o interior do veículo mais confortável e protegido contra os efeitos nocivos do sol, entende? Por exemplo, em dias quentes, o insulfilm contribui para o seu carro ficar mais fresco e confortável para motoristas e passageiros.

Qual é a importância do insulfilm nos veículos?

O insulfilm é importante nos veículos por várias razões:

Proteção contra raios UV e câncer de pele

O insulfilm oferece uma barreira contra os raios ultravioleta prejudiciais, semelhante à atuação do protetor solar na pele — embora ele continue indispensável. Assim, os melhores produtos no mercado podem bloquear até 99% da radiação UV, uma grande ajuda para prevenir danos à pele.

Além disso, o insulfilm bloqueia parte da radiação infravermelha (IV). Esta é percebida como calor e também contribui para o envelhecimento da pele e o agravamento de afecções cutâneas.

Conservação interna do veículo

O insulfilm evita danos ao painel, volante, estofamento e outras partes do carro causados pela exposição. Por exemplo, o estofamento e o painel do carro ficam expostos ao sol por longos períodos. Logo, com essa proteção, o interior do seu veículo fica mais protegido.

Diminuição do calor

A película acelera o resfriamento do interior do veículo, aumentando o conforto do motorista e dos passageiros. Ao mesmo tempo, essa vantagem também reduz a necessidade de uso do ar-condicionado, o que ajuda a economizar combustível.

Valorização do veículo

Uma película de alta performance valoriza o carro na hora da revenda, especialmente se oferecer todos os benefícios citados. Afinal, um carro com insulfilm de alta performance, que oferece proteção contra raios UV, preserva o interior e traz conforto aos ocupantes, é mais valorizado pelos compradores.

Qual insulfilm é permitido por lei em 2024?

Em 2024, a legislação sobre o insulfilm em veículos continua a exigir transparência específica em diferentes partes dos vidros. Confira os detalhes:

Para-brisa

O insulfilm no para-brisa é permitido com uma transparência mínima de 75%. Isso significa que pelo menos 75% da luz deve passar por meio dele para garantir a visibilidade adequada do motorista. Essa regra se aplica independentemente da cor do material.

Vidros laterais dianteiros

Para os vidros laterais dianteiros, a legislação requer uma transparência mínima de 70%. Isso é essencial para garantir a visibilidade do motorista e a segurança no trânsito.

Vidros laterais traseiros

Os vidros laterais traseiros têm mais flexibilidade quanto à transparência do insulfilm. No entanto, geralmente é permitida uma transmissão luminosa em torno de 28%, mas esses valores podem variar conforme o estado ou município.

Vidro traseiro

No vidro traseiro, é permitido um nível de escurecimento maior, com uma transmissão luminosa de até 28%.

Ou seja, as regras variam dependendo da região específica. Então, sempre verifique as regulamentações locais para garantir que seu insulfilm esteja nos limites permitidos. 

Quais tipos de insulfilm são proibidos no veículo?

Os tipos de insulfilm proibidos no veículo são aqueles que são refletivos ou opacos. Isso significa que películas que impedem a passagem de luz ou aquelas que refletem estão proibidas conforme as regulamentações. 

Essa proibição se aplica a todo o veículo, exceto nos vidros do teto e nos veículos blindados, isentos dessas restrições. Além disso, os veículos com películas que apresentam bolhas também estão sujeitos a restrições. Até porque, as bolhas podem comprometer a visibilidade do motorista, causando distorções visuais.

O que acontece se eu usar um insulfilm proibido? 

Se você usar um insulfilm proibido, pode sofrer algumas consequências, como:

  • fiscalização e punição – a fiscalização e a punição por irregularidades relacionadas ao insulfilm ficam a cargo da Polícia Militar dos Estados e do Distrito Federal;
  • infração grave – usar um insulfilm proibido é considerado uma infração grave, segundo o artigo 230 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB);
  • multa e pontos na CNH – o infrator está sujeito a uma multa no valor de R$ 195,23 e terá 5 pontos adicionados à sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH);
  • possível retenção do veículo – se não for possível remover o insulfilm proibido no local da abordagem, o veículo pode ser retido até a irregularidade ser corrigida.

Quais são os principais crimes de trânsito e as consequências?

Utilizar insulfilm permitido nos veículos é essencial para garantir a segurança, conformidade legal e conforto dos motoristas e passageiros. Assim, escolha películas permitidas pelas regulamentações, evitando tipos proibidos como os refletivos, opacos ou com bolhas, que poderiam trazer multas e outras penalidades.O nosso post foi útil para sanar as suas principais informações sobre o assunto? Agora, aproveite a visita ao blog e descubra quais são os principais crimes de trânsito e as consequências!