São Paulo, fevereiro de 2024 – Quem optou pelo pagamento parcelado do IPVA 2024 em Minas Gerais precisa quitar a 2ª parcela a partir de 19 de fevereiro. Nesse dia vence o prazo para carros e motos com placas de final 1 e 2. Em 20 de fevereiro é a vez dos veículos com placas que terminam em 3 e 4, e assim por diante, até o dia 23 de fevereiro.

Para o imposto não pesar no bolso, uma dica valiosa a quem deseja começar o ano com menos preocupações e, principalmente, com as contas em dia é fazer o pagamento pelo Zul+, plataforma criada para facilitar a vida de quem dirige. Com a ferramenta é possível pagar pelo app ou pela internet, informando apenas a placa do carro ou moto. 

Quem baixar o aplicativo e cadastrar o veículo recebe lembretes por notificação no celular e por e-mail quando chegar a hora de pagar cada parcela. Também é possível consultar e pagar todas as pendências do carro ou moto (IPVA, licenciamento e multas) na página de débitos veiculares do Zul+ na internet. 

O total a ser pago depende do modelo do carro, moto ou caminhão. O imposto é calculado a partir de uma alíquota definida em cada estado sobre o valor do automóvel de acordo com a tabela FIPE. Em Minas Gerais, a alíquota definida foi de 4% para carros de passeio, utilitários e motor-casa e 2% para veículos de duas ou três rodas. 

Assim, um veículo de passeio que custa R$ 50 mil terá o valor do IPVA de R$ 2 mil. Para fazer o cálculo, basta o motorista, sabendo o preço do veículo, multiplicar esse número por 0,04. Para os outros modelos, o correto é multiplicar por 0,02.

No estado há isenção do IPVA para veículo novo elétrico e híbrido, sob condição de que o modelo tenha sido fabricado no estado.

IPVA atrasado

Ao contrário do que muitos pensam, o  atraso no pagamento do IPVA não é uma infração de trânsito, mas deixa o valor do imposto maior. Isso porque o não-pagamento no prazo provoca a incidência de multa, calculada sobre o valor atualizado do imposto ou da parcela deste, sendo 0,3% (três décimos por cento) por dia de atraso, quando o pagamento ocorrer até o trigésimo dia do vencimento ou de 20% (vinte por cento) a partir do trigésimo primeiro dia, mais juros de mora por mês.

Quem não quitar o IPVA também não conseguirá fazer o licenciamento do veículo, outra taxa que deve ser paga, porém, com vencimento em 31 de março. De acordo com o CTB (Código de Trânsito Brasileiro), conduzir um veículo que não está registrado e devidamente licenciado é uma infração gravíssima. A multa neste caso é de R$ 293,47 e 7 pontos na CNH.

Sem o licenciamento em dia, o veículo também não pode ser transferido e ainda pode ser retido em uma blitz policial, caso represente um risco à segurança. Além disso, o nome do proprietário é incluído na dívida ativa e também na lista de devedores do SPC, Serasa e SCPC.

Dicas para pagar o IPVA

“Todos os nossos esforços foram para oferecer soluções disruptivas e que facilitem a vida dos motoristas.  Assim, para quem não quiser comprometer a renda, oferecemos a possibilidade de pagamento no cartão de crédito em até 12 vezes. Mas o Zul+ traz muito além do pagamento do IPVA, ele traz uma navegação dinâmica, com diversas funcionalidades que dão suporte no dia a dia do motorista, como estacionamento rotativo em Belo Horizonte e Juiz de Fora, além outras 21 cidades, Estapar Reserva e pagamento de tíquete de estacionamento, tag de pedágio sem mensalidade, seguro auto, CRLV digital entre outras”, afirma André Brunetta, Diretor de Inovação e Digital da Estapar.

Para quem opta pelo parcelamento com o governo, o IPVA só é quitado ao final da última parcela. Já com Zul+, o motorista pode parcelar em até 12 vezes e a empresa quita o tributo integralmente junto à Secretaria da Fazenda. É possível quitar o imposto com Pix e cartão de crédito, ou mesmo utilizando as carteiras Google Pay e Apple Pay. 

Outra possibilidade é consultar os débitos (incluindo licenciamento atrasado e multas) e pagar através da plataforma web da Zul+, ou seja, sem a necessidade de baixar o app.

“Consideramos muito importante a inovação em todos os serviços e funcionalidades oferecidos pelo Zul+. Nosso objetivo é contribuir o máximo possível para a mobilidade urbana e fluidez da cidade. A possibilidade de quitar ou parcelar o IPVA e débitos é mais uma solução oferecida a quem dirige que garante praticidade e agilidade no dia a dia dos cidadãos”, conclui Beto Costa, diretor On Street da Estapar.

Confira o calendário IPVA 2024 MG



Placa


Cota única


1ª parcela


2ª parcela


3ª parcela
Final 1 e 215/0115/0119/0218/03
Final 3 e 416/0116/0120/0219/03
Final 5 e 617/0117/0121/0220/03
Final 7 e 818/0118/0122/0221/03
Final 9 e 019/0119/0123/0222/03